sábado, 9 de fevereiro de 2013

Problemas com a norma Euro 5




Realizando recentemente viagens ao Nordeste brasileiro constatei uma importante irregularidade no transporte atual, pois como já sabemos os veículos de carga, por ser movidos á diesel tem uma importante e triste responsabilidade na poluição  do ar ambiente, e todos nós envolvidos no meio, devemos assumir e tentar diminuir o máximo este impacto.  e para isso, muitas coisas mudaram, como a nova fase ambiental, a Euro 5, tornando os veículos bem mais amigos do meio ambiente.
Mas aí que encontrei o problema, pois verifiquei que vários motoristas estão transitando com o sistema de Arla 32 desligado. E perguntando para um dos motoristas sobre o fato de poluir, ele foi bem imediatista sem pensar no futuro, dizendo, estava cansado de gastar com o agente redutor.
Já com o outro motorista, foi pior, fazendo a mesma pergunta, ele disse, nada, não sai uma fumaça se quer do escape, mas realmente, não irá sair, pois com o diesel S-50 ou 10, com baixo teor de enxofre, aliado ao sistema de injeção melhorado, o material particulado é drasticamente reduzido, porém, aí que mora um dos grandes problemas, pois quanto mais se reduz o material particulado, mais se aumenta a concentração de NOX, responsável pela chuva ácida e problemas respiratórios, e é exatamente isso que o Arla 32 reduz ao sofrer uma reação química dentro do catalizador em alta temperatura.
E para isolar o uso de Arla 32, os transportadores estão instalando um módulo que engana a leitura e o dosador de Uréia liquida.
Mas também existe solução para resolver isso, pois por lei, todos os caminhões Euro 5, saem de fabrica com um conector OBD, onde é acoplado um scanner, para realizar leitura de todo o comportamento do veiculo no sistema de tratamento de fumaça, acusando eventuais anomalias, cabe agora ao governo realizar sua parte e fiscalizar e punir com multas severas aos infratores.


38 comentários:

  1. Logo eles vão sentir a dor no bolso, porque esse catalizador entope sem o Arla ou só com água. Estão falando em 30 mil para a troca.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. amigos tenho um cargo 2429 2013, seria bem facil de resolver isso, era só o governo incentivar quem tem o euro 5 abaixar o IPVA isso nos animava, agora eu pago o mesmo IPVA de um poluidor, que vantagem eu tenho, carro a gas tem 70% a menos de ipva que automoveis normais entao porque nao reduçao nos caminhoes euro 5

      Excluir
    2. tenho um axor 2644 qe deu problema usando o arla, dai perguntei pro mecanico da mb o q acontece se isola o arla? ele me falo qe se eu usa só o S10 nao entope o catalizador.

      Excluir
  2. Não adianta... Caminhoneiro brasileiro continua desinformado...
    Quem conhece um pouquinho cansa de explicar que um caminhão moderno é feito para usar Arla 32 (que eu prefiro chamar de DEF), mas não adianta... Já começaram a surgir os "jeitinhos"... Até quando, meu Deus, esse tipo de coisa vai continuar?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. até que vc consiga das um jeito de aumentar o valor do frete ou abaixar o valor do arla 32 , pois quem aguenta gastar entre r$1.200,00 a r$1.500,00 por mes com um bitrem só de arla 32 ou vc acha que ele é desligado porque , acredita vc que a categoria esta rastelando dinheiro , vc tem um pensamento um tanto atrasado , vai se informar o porque estão desligando , depois vc faz a critica e opina sobre a causa .

      Excluir
    2. Apoiado amigo! O Governo lança a moda e que que nós pagamos a conta. Um Absurdo um galão de Arla 20 litros curtas 60 reais. Lá fora o DEF ou ARLA é quase de graça se comparado aos preço aqui praticados para o Sr. Sabichão Adermo Filho

      Excluir
  3. e complementando o assunto Wagner tem alguns usando diesel S500 e no lugar do Arla 32 utiliza água ...isso seria facilmente resolvido se os embarcadores pagassem um frete melhor aos proprietários de veículos com a tecnologia Euro5 e lógico exigissem a comprovação do uso correto da nova tecnologia ... mas com os baixos preços do frete isso era de esperar.

    ResponderExcluir
  4. Wagner, Será que em futuro breve não irá danificar alguma peça caro. Somente o tempo irá dizer.
    Abraço,
    Marcos da Série Caminhão nos Estados Unidos

    E lembrando, aqui acabou o DEf (Arla 32), o caminhão para.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aqui também para. Começa perdendo até 70% da potência, salvo engano, mas não para de imediato. Só na primeira vez que o motorista for dar a partida, o motor não funciona. Só vai funcionar novamente se tiver DEF no tanque. Mas aqui é o país do jeitinho...

      Excluir
    2. Provavelmente Marcos, no futuro sim, e a perda é de 40% Adelmo!

      Excluir
    3. o sabichão do Adelmo tinha que da um jeitinho de se informa por que a gente desliga essa porcaria de arla, mau sabe ele que a gente usa um combustível mais caro e ainda tem que coloca esta porcaria , ganhando o mesmo frete que qualquer pau velho , pagando 10 vezes mais de IPVA. Fala nisto vai planta batata.

      Excluir
  5. muito triste, vamos fazer barulho para reverter esta situação.

    ResponderExcluir
  6. KKKKKK... vocês falam isso porque o custo do S-10 e Arla não saem do bolso de vocês.
    Tem lugar que o diesel S-10 está custando R$ 2,85 o litro e lugares que a gasolina custa isso, só que o caminhão geralmente faz 2,4 km/l (cavalo mecânico) e a média de um automóvel dificilmente baixa de 10 km/l.

    ResponderExcluir
  7. Tenho um Scania R440 Euro 5, gasto R$ 1000,00 por mês de Arla32 que dá para pagar uma boa parte do seguro. E quem disse que polui menos, pois jogo fora 20 embalagens de plastico todo mês no lixo. E quando acabar a garantia do caminhão a primeira coisa a fazer é isolar essa porcaria. SDS.

    ResponderExcluir
  8. A margem de lucro dos transportadores já é baixa, tendo um gasto a mais com o "arla 32" ficaria quase inviável. Todos são cientes da menor poluição, mas creio eu que o governo deveria incentivar isso, reduzindo custo de combustível e do próprio arla, ou ao menos, como já comentado, o frete deveria ser diferenciado para caminhões equipados com esta tecnologia. Esse papo ambientalista é lindo e eu apoio, porém não acho justo sobrar para a classe frotista arcar com esse custo, ainda mais porque não haverá viabilidade nisso. Outro fator que deve ser observado é a média de consumo do arla, o qual foi anunciado um valor que não bate com o consumo real, esse sendo bem mais alto, ou seja, novamente aumentando os gastos. Desculpa se esse meu comentário foi meio anti-ambientalista, porém devemos rever tudo e não somente jogar a culpa nos caminhoneiros.

    ResponderExcluir
  9. Esse nosso governo é um FDP, não era para cobra imposto nenhum sobre essa porcaria de ARLA e ter desconto no diesel S10, mas não aqui tudo é ao contrario um caminhão velho polui e paga menos e os novos é tudo mais caro. Resumindo, tem que isolar essa porcaria mesmo, pois nós proprietários de caminhões Euro5 (eurobosta5) não somos compensados em nada!

    ResponderExcluir
  10. O problema é que a questão ambiental vem sendo explorada pelos chamados "ecologistas-melancia", verdes por fora e vermelhos por dentro, cuja única intenção é prejudicar a vida de quem trabalha e produz alguma coisa. Quanto ao NOx, a geração desse composto não depende diretamente da redução na emissão de particulados, é mais relacionada com as temperaturas dentro das câmaras de combustão.

    ResponderExcluir
  11. seria facil uma reducao no custo do arla e do s10 era so ninguem comprar caminhoes ai eles iao rever esses custos mas as grandes empresas compram 100 200 ate 300 de uma ves ai fica dificil reduzir o custo desses produtos

    ResponderExcluir
  12. eu tenho 10 caminhoes 5 volvo e 5 scania removi o arla de todos, a economia é muito grande, quanto ao catalizador entupir é so andar 200 km por semana com o arla ligado que nunca vai entopir.

    ResponderExcluir
  13. isso e uma merda mesmo...ak na minha cidade o s-10 custa R$ 2,98!!! um roubo e o tambor de 20 litros de arla geralmente custa em torno de 85,00 a 90,00 reais e so da para rodar 1,000 km...se ao menos fosse uma coisa mais em conta ninguem deixaria de usar!!! daria pra pensar na poluicao, mas sendo esse absurdo meus amigos nao vejo alternativas!!! sinto muito

    ResponderExcluir
  14. Muitos frotistas e autônomos estão isolando eletronicamente o dispositivo do Arla (as concessionárias e governo fingem que não sabem). Quem comprou caminhão novo está com prejuízo: o carro não se paga se as leis não forem burladas (excesso de peso e falsificação ou isolamento do Arla) e não dá para concorrer com os caminhões antigos, pois o frete e os impostos são os mesmos. Isso é Brasil!!! Teremos que aguardar a substituição total do S-5000 pelo S-10, mas dificilmente acontecerá neste ano de eleição para não aumentar a inflação.

    ResponderExcluir
  15. tem que por um catalizador desses na bunda da presidenta ,aquela filha da puta sapatona

    ResponderExcluir
  16. eu ja isolei o arla do meu volvo e passei o maçarico no catalizador ,arrancando a tela da entrada e da saída,ganhou potencia e economia .só pra realçar ,ESQUECI DE ENFIAR A DILMA E O EX PRESIDENTE LULA DENTRO DELE E SOLDAR DE NOVO

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tenho um volvo também ! Como você fez para isolar o arla? Já tentei eu mesmo mas a luz no painel sempre acende e perco força. Já ouvi dizer que abre o catalizador e deu. Mas não sei bem.

      Excluir
    2. Como isolo o sistema do acello 815? Meu email moduloearte@gmail.com

      Excluir
    3. Tem 2 jeitos de isolar o arla, pode-se fazer isso com um módulo emulador que manda sinal falso para a centralina, como se fosse o sinal dos sensores originais que são desativados, ou então reprogramando a própria centralina.

      Excluir
  17. impossivel para um caminhoneiro manter esse arla ligado , pois ninguem aguenta gastar entre R$1.200,00 a R$1.500,00 por mes só com o arla fora o diesel mais caro com esse dinheiro da para pagar a prestação de uma casa , que em muitos casos os autonomos não tem para morar , a culpa desse desligamento é do proprio governo que quer lucrar em cima dos consumidores do arla 32 , só nos resta desligar mesmo

    ResponderExcluir
  18. SE VCS FOSSEM CARROÇEIROS COM CERTEZA ESTARIAM RECLAMANDO DO PREÇO DO MILHO E O CUSTO DAS FERRA DURAS DOS CAVALOS QUE EM CONCIÊNCIA FUNCIONAM MELHOR DO QUE VCS POIS SE A COISA ESTIVESSE TÂO RUIM NÃO HAVERIA TANTOS CAMINHÕES TUNADOS E CHEIOS DE LEDS E ACESSÓRIOS CAROS COM SUSPENSÃO MEXIDA TOCANDO A CARROCERIA NO BONÉ DO GUARDA, POR MIM VCS SE LASQUEM, ASS: MECÃNICO (aquele q vai consertar suas cacas mais tarde e tomar cerveja boêmia com seus trocos enquanto observa suas mulheres desfilarem no sábado à tarde sem marido pela rua) BJO...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Enquanto vc ta xeio de graxa e fedendo na oficina o dono do caminhao aqui faz 1 viage por semana e fica 20 dia do mes tomando gelada e olhando as tua mulher qe fica solita dia intero :)
      e pra fim de comversa eu mando arruma o meu na agencia e nao em bodega.

      Excluir
    2. hahahah.... quanta gracinhas :)

      Excluir
  19. Bom dia Wagner! Tenho um V,W 31330 ano 2012 e gasto de 1000 a 1200 reais ao mês com o consumo de Arla além de só usar o diesel S10 com custo extra 10 a 15%. Porém o que me traz mais problemas e dificuldades são as falhas que o sistema apresenta , me impedem de trabalhar e me obrigam a procurar por uma concessionária que na minha região fica uma a 114 km , uma a 150 km e outra a 230 km. Nos dias 02 e 03 deste mês estive parado em uma delas onde encontrei outros veículos com problemas e depois de tanta demora na tentativa de solução de uma falha com uso de programas e aparelhos eletrônicos que só elas tem saí de lá e logo depois de rodar 60 km voltando pra casa a falha reapareceu além de uma outra. O sistema é muito complicado e nem mesmo eles entendem bem. Logo acaba a garantia do veículo e terei mais dificuldades e aumento dos custos com estes problemas. Como pagar a prestação de um caminhão que te impede de trabalhar e com tanto custo operacional. Acho que estou com uma bomba relógio na mão.

    ResponderExcluir
  20. Senhores. Gostaria de informar que todos os problemas tais como arla32, valuvula egr, DPF (filtro de particulas. Podem ser solucionados com apenas uma reprogramaçao electronica na central. somos especialistas. mais informaçao por privado. info@savedo.es

    ResponderExcluir
  21. Tenho um amigo que fez a modificaçao eletronica para eliminar o arla. Uma empresa alemana que tambem está no brasil, e na espanha e se chama bhp motorsport. info@bhp-chiptuning.es

    ResponderExcluir
  22. ola pessoal o sistema do arla tem um fusivel que pode ser retirado e desligar o sistema de arla 32 . Vocês pode retira-lo e seguir viagem e ao notar alguam perda de potencia coloque o fusivel de volta e desligue a chave geral do veiculo por uns 20 seg. e religue. Rode uns 100 Km verifique se a potencia do carro voltou. e retire o fusivel novamente. faça o teste.

    ResponderExcluir
  23. Tenho o emulador de arla 32 ...
    meu telefone para contato .(91)81132102

    ResponderExcluir
  24. tenho dois vw 25390 e no casa da vw pensa num caminhão que enche de falhas com esse sistema do arla; o caminhão em sim é bom mais o sistema do arla enche o saco já passou mais de 15 dias numa concessionaria o caminhão!!!!!!

    ResponderExcluir
  25. Retirando esta fusil pode danificar o motor aguardo resposta de alguém

    ResponderExcluir
  26. Usem motor com EGR!!!

    A VW irá lançar cavalo mecânico sem ARLA!!!

    ResponderExcluir